O IGAPE CONCLUIU HOJE A 1ª FASE DE PRIVATIZAÇÃO DAS UNIDADES INDUSTRIAIS NA ZEE

O Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado assinou esta manhã os contratos de aquisição e efectuou a entrega formal das chaves das cinco unidades industriais no âmbito do processo de transferência de activos que eram do Estado para os privados.

O Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado assinou esta manhã os contratos de aquisição e efectuou a entrega formal das chaves das cinco unidades industriais no âmbito do processo de transferência de activos que eram do Estado para os privados.

Fizeram parte do acto o PCA do IGAPE, Valter Barros, António Henriques da Silva, PCA da ZEE e os representas das empresas que adquiriram as cinco unidades indústrias.

São novos donos das cinco fábricas a Angoalissar, que adquiriu a Carton por 1000 milhões Kz, a Azoria, que comprou a Indugedet por 3,3 mil milhões Kz, a Ecoindustry, que ficou com a Juntex por 225 milhões Kze a Zeepack, que comprou a Univitro e a Coberlen por 555 e 295 milhões Kz respectivamente.

Fica na história económica de Angola como o primeiro ensaio de um processo transparente de transferência de activos que eram do Estado para os privados.

De acordo com o PCA do IGAPE, Valter Barros, o maior ganho do Estado será as indústrias começarem a produzir, empregar pessoas e pagarem impostos.

Ainda assim, avança que as empresas têm 30 dias a contar da data de assinatura dos contratos para transferirem para a conta única do tesouro os valores que correspondem à compra de cada unidade industrial.

Pode consultar o comunicado aqui.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.