Autor: Eliana Mendes - Author

Nota Informativa ao Mercado Sobre a Implementação da Plataforma Bloomberg FXGO para Operações de Compra e Venda de Moeda Estrangeira

No âmbito do processo de normalização do mercado cambial, o Banco Nacional de Angola decidiu contratar a Bloomberg para disponibilizar a sua plataforma electrónica de negociação de moeda estrangeira, denominada “FXGO”, ao mercado angolano.

A plataforma FXGO possibilita a negociação em tempo-real entre vendedores e compradores de moeda estrangeira sendo as taxas de câmbio livremente negociadas entre as partes, permitindo que a parte que inicia a compra ou venda de moeda estrangeira possa ter acesso a ofertas de várias contrapartes ao mesmo tempo e escolher a melhor. A plataforma traz assim maior eficiência e transparência ao mercado cambial.

Continue reading “Nota Informativa ao Mercado Sobre a Implementação da Plataforma Bloomberg FXGO para Operações de Compra e Venda de Moeda Estrangeira”

BNA vendeu ontem 50 milhões USD aos bancos comerciais

Na sessão participaram 12 bancos comerciais a uma taxa média de 604,460.

O Banco Nacional de Angola (BNA) procedeu ontem (20), por via de leilão, a venda de divisas aos bancos comerciais no montante de 50 milhões USD, de acordo com os dados divulgados pelo banco central.

A sessão de leilão foi emitida na terça-feira (19), mas apenas liquidada ontem, onde participaram 12 instituições bancárias a uma taxa média ponderada de 604, 460.

Continue reading “BNA vendeu ontem 50 milhões USD aos bancos comerciais”

Finanças suspende contratos sem financiamento assegurado

O Ministério das Finanças orientou, ontem, a todas as Unidades Orçamentais a suspenderem a execução de todos os contratos no âmbito do Programa de Investimento Público (PIP), cuja fonte de financiamento não se encontre assegurada.

Foi, igualmente, suspensa a execução de todos os contratos de carácter não prioritário e estrutural no âmbito das despesas de apoio ao desenvolvimento, sem financiamento garantido.Neste particular, o Ministério das Finanças, através de uma circular, informou que se deve reservar os valores disponíveis na categoria “Bens e Serviços” para pagamento de contratos prioritários e essenciais no actual momento, suspendendo todos os outros.

Continue reading “Finanças suspende contratos sem financiamento assegurado”

Banco Nacional de Angola determina prazos para pedidos de crédito

As instituições bancárias a operar em Angola têm um um prazo máximo de 40 dias úteis contados a partir da data de entrada do pedido de crédito para comunicar aos clientes a sua decisão final, independentemente de a resposta ser positiva ou negativa, determinou o Banco Nacional de Angola.

O prazo máximo de 40 dias aplica-se aos clientes que solicitarem crédito para projectos de investimento agrícola e industrial e de outro tipo de montante superior a 600 milhões de kwanzas (um milhão de dólares), tendo as instituições bancárias nestes casos um prazo de 15 duas úteis para solicitar informação adicional ao cliente.

Continue reading “Banco Nacional de Angola determina prazos para pedidos de crédito”

FMI prevê recessão este ano crescimento em 2021

A economia angolana contrai este ano 1,4 por cento, depois de ter registado uma recessão de 1,5 por cento em 2019, mas regressa ao crescimento em 2021, com uma taxa prevista de 2,6 por cento do PIB.

De acordo com as Perspectivas Económicas Regionais da África Subsaariana, um documento que, este ano, é exclusivamente dedicado aos impactos da pandemia de Covid-19, prevê também uma subida da dívida pública, de 109,8 por cento do PIB no ano passado, para 132,2 este ano e 124,3 em 2021, devido às necessidades de financiamento para suplantar a descida dos preços do petróleo e a despesa necessária para controlar a pandemia da Covid-19.

Continue reading “FMI prevê recessão este ano crescimento em 2021”

Covid-19: Governo angolano disponibiliza 800 milhões de euros para apoiar PME

O Governo angolano vai disponibilizar cerca de 488 mil milhões de kwanzas (800 milhões de euros) para a “manutenção mínima dos níveis de atividade das micro, pequenas e médias empresas do setor produtivo” devido à covid-19, foi hoje anunciado.

Esta é uma das medidas aprovadas hoje pela Comissão Económica do Conselho de Ministros, a que a Lusa teve acesso, e que visa aliviar os efeitos da pandemia e da redução acentuada do preço do barril de petróleo sobre as empresas e sobre as famílias.

Continue reading “Covid-19: Governo angolano disponibiliza 800 milhões de euros para apoiar PME”