Autor: Teresa Barata - Author

Dinheiro móvel em Angola avança com 10 anos de atraso

São os sinais dos tempos. Na semana passada, em Luanda, foram anunciadas publicamente duas plataformas privadas de “mobile money” (dinheiro móvel).

Com uma baixa taxa de bancarização e um elevado número de cidadãos abaixo da linha de pobreza (cerca de 60% da população), Angola é o único país da região sem um mercado funcional de dinheiro móvel. Há mesmo quem defenda que o país atrasou-se 10 anos na implementação destes serviços de fácil acesso e sem as burocracias típicas da banca tradicional, com impactos negativos no combate à pobreza e no crescimento económico.

Continue reading “Dinheiro móvel em Angola avança com 10 anos de atraso”

João Lourenço diz que PGR instaurou dez vezes mais inquéritos em dois anos

O Presidente da República de Angola congratulou-se hoje com os resultados da justiça nos dois anos de mandato, com dez vezes mais inquéritos do que nos cinco anos anteriores e recuperação de milhões de dólares para o Estado.

Discursando na Assembleia Nacional sobre o Estado da Nação, na abertura do ano legislativo, João Lourenço referiu que o departamento de combate à corrupção da Procuradoria-Geral da República (PGR) instaurou 192 processos de inquérito de 2017 a 2019, face aos 18 entre 2012 e 2017, “ou seja, instaurou em dois anos dez vezes mais inquéritos do que nos cinco anos anteriores”.

Continue reading “João Lourenço diz que PGR instaurou dez vezes mais inquéritos em dois anos”

Inflação abaixo de um dígito em Angola só em 2023

As estimativas da consultora britânica Economist Intelligence Unit apontam que a taxa de inflação de Angola para 2019 irá fixar-se nos 24,1%, ao contrário dos 17,4% estimados pelo Executivo no Plano Nacional de Desenvolvimento 2018-2022. As previsões do comportamento do nível geral de preços da consultora Economist Intelligence apontam para uma taxa de inflação de 18,3% em 2020, 19,1% em 2021 e 14,3% em 2022.

Continue reading “Inflação abaixo de um dígito em Angola só em 2023”

Cinco concessões mineiras angolanas vão a concurso público este ano – Governo

O Governo angolano vai colocar “pela primeira vez” em concurso público cinco concessões mineiras, durante o segundo semestre de 2019, nomeadamente duas de diamantes, duas de fosfatos e uma de ferro, anunciou hoje fonte oficial.

Segundo um comunicado do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos (MIREMPET) enviado hoje à Lusa, em Luanda, o primeiro concurso público aberto vai atribuir direitos mineiros para prospeção e exploração dos referidos recursos minerais.

Continue reading “Cinco concessões mineiras angolanas vão a concurso público este ano – Governo”

Bancos comerciais têm liquidez para movimentar contas em divisas, garante Massano

O governador do Banco Nacional de Angola (BNA), José de Lima Massano, garantiu, esta quarta-feira, que, “neste momento, o nível de liquidez em moeda estrangeira nos bancos comerciais está reposto” , voltando a lembrar que os clientes que não conseguirem movimentar as suas contas em moeda estrangeira no seu banco devem informar o Departamento de Conduta Financeira do BNA.

Massano, que falava aos microfones da Rádio Nacional, assegurou que os bancos comerciais têm moeda estrangeira suficiente para fazer face ao cumprimento dos prazos e dos outros critérios previstos nas normas em vigor, como foi, de resto, publicado num comunicado publicado na sexta-feira, no site da instituição.

Continue reading “Bancos comerciais têm liquidez para movimentar contas em divisas, garante Massano”

Angolanos criticam aumento “prejudicial e preocupante” da eletricidade

A subida do preço da eletricidade em Angola está a revoltar os cidadãos, que se queixam do aumento do custo de vida, sobretudo na cesta básica e serviços essenciais.

Muitos angolanos, entrevistados pela Lusa junto das agências de pagamento da Empresa Nacional de Distribuição de Eletricidade (ENDE) consideram a medida do Governo é “preocupante e prejudicial”.
Continue reading “Angolanos criticam aumento “prejudicial e preocupante” da eletricidade”