Categoria: Divida Pública

FMI aponta a quinta recessão e a uma escalada da dívida para históricos 132,2% do PIB Martins Chambassuco

A crise da Covid-19, a contracção das exportações, a alta da inflação, falta de investimentos e a desvalorização da moeda nacional são apontados como factores determinantes da evolução negativa da economia angolana.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) reviu esta semana em baixa as previsões de crescimento da economia angolana, apontando à quinta recessão, e prevê uma escalada da dívida pública de 109,8% para históricos 132,2% do Produto Interno Bruto (PIB).

Continue reading “FMI aponta a quinta recessão e a uma escalada da dívida para históricos 132,2% do PIB Martins Chambassuco”

FMI prevê recessão este ano crescimento em 2021

A economia angolana contrai este ano 1,4 por cento, depois de ter registado uma recessão de 1,5 por cento em 2019, mas regressa ao crescimento em 2021, com uma taxa prevista de 2,6 por cento do PIB.

De acordo com as Perspectivas Económicas Regionais da África Subsaariana, um documento que, este ano, é exclusivamente dedicado aos impactos da pandemia de Covid-19, prevê também uma subida da dívida pública, de 109,8 por cento do PIB no ano passado, para 132,2 este ano e 124,3 em 2021, devido às necessidades de financiamento para suplantar a descida dos preços do petróleo e a despesa necessária para controlar a pandemia da Covid-19.

Continue reading “FMI prevê recessão este ano crescimento em 2021”

Angola deve pedir ajuda ao FMI e não emitir mais obrigações do tesouro

Vai ser difícil a Angola obter novos créditos através da emissão de obrigações do tesouro em euros, disseram analistas europeus.

Isto depois de ter sido noticiado que o presidente Joao Lourenço autorizou na semana passada a venda de três mil milhões de dólares em Eurobonds embora não tenha sido anunciado calendário para a emissão dessa dívida.
Continue reading “Angola deve pedir ajuda ao FMI e não emitir mais obrigações do tesouro”

Comissão Económica aprova plano para travar especulação de preços

A Comissão Económica do Conselho de Ministros aprovou, nesta segunda-feira, 30 de Dezembro, a estratégia com vista a travar os actos de especulação de preços na economia nacional, em particular dos bens da cesta básica.

A medida, tem como objectivo contribuir para a estabilidade do mercado, nos produtos incluídos no regime de preços vigiados, para a estabilização do poder de compra das famílias. Dos produtos prioritários da cesta básica constam, entre outros, açúcar, arroz, farinha de milho e trigo, feijão, leite, óleo alimentar, sabão, sal, massa alimentar, sumos, carnes bovina, suína e frango. Além da especulação.

Continue reading “Comissão Económica aprova plano para travar especulação de preços”

FMI prova segunda fase do programa EFF para Angola

O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou no passado dia 5 de Dezembro, o pagamento de 247 milhões de dólares a Angola, no seguimento da aprovação da segunda avaliação do programa de Financiamento Ampliado (Extended Fund Facility – EFF).

Continue reading “FMI prova segunda fase do programa EFF para Angola”

Ministério das Finanças de Angola publica relatório com dívidas em atraso

O Ministério das Finanças de Angola começa a publicar em Dezembro na sua página electrónica um relatório em que dá conta das dívidas do Estado aos agentes económicos, informou recentemente em Luanda o secretário de Estado das Finanças e Tesouro, Osvaldo João.

O secretário de Estado, que prestava declarações à margem de uma reunião com deputados da Comissão de Economia e Finanças da Assembleia Nacional, ocorrida a 22 de Novembro, disse ainda que a publicação do referido relatório resulta de uma exigência do Fundo Monetário Internacional, no âmbito do Programa Ampliado de Financiamento que tem com Angola.

Continue reading “Ministério das Finanças de Angola publica relatório com dívidas em atraso”