Categoria: Financiamentos

Corporação Financeira Internacional abre representação permanente em Angola

A Corporação Financeira Internacional (IFC, na sigla em inglês), do grupo Banco Mundial, inaugurou sexta-feira um escritório em Luanda, Angola, com o objectivo de aumentar a carteira de crédito ao sector privado angolano, noticiou a imprensa angolana.

Com uma carteira de investimento de 111 milhões de dólares que se destina apoiar, através de empréstimos às pequenas e médias empresas, com a abertura do escritório em Luanda, o IFC prevê o aumento deste financiamento, de acordo com o seu vice-presidente para o Médio Oriente e África, Sérgio Pimenta.

Continue reading “Corporação Financeira Internacional abre representação permanente em Angola”

Representante do FMI em Angola desvaloriza disparidade nas projeções de crescimento do país

O representante do Fundo Monetário Internacional (FMI) em Angola desvalorizou hoje em Luanda a diferença nas perspetivas de crescimento do país para 2020, de 1,2% para a organização financeira internacional e de 1,8% do Governo angolano.

Marcos Soutto, que foi hoje apresentador do tema “Navegação pela Incerteza”, no ato de divulgação do Relatório do FMI sobre as suas Perspetivas Económicas Regionais da África Subsaariana, considerou normal a disparidade numérica percentual.

Continue reading “Representante do FMI em Angola desvaloriza disparidade nas projeções de crescimento do país”

Desvalorização do kwanza está em linha com recomendações do FMI

O analista do Bank of America ML que segue Angola considerou hoje que a depreciação do kwanza está em linha com as recomendações do Fundo Monetário Internacional e sustenta os ajustamentos macroeconómicos em curso no país.

Citado pela agência de informação financeira Bloomberg, o analista Rukayat Yusuf acrescenta que a desvalorização da moeda nacional angolana, que caiu 37% este ano, significa que está mais perto do seu valor real.

Continue reading “Desvalorização do kwanza está em linha com recomendações do FMI”

Angola e FMI alinham posições quanto às reformas aos subsídios

Angola e o Fundo Monetário Internacional, no quadro das medidas do Programa de Financiamento Ampliado consertam posições quanto às reformas estruturais, em especial a reforma aos subsídios

O Director do Departamento africano do Fundo Monetário Internacional (FMI) manifestou o seu agrado às reformas em curso e o alinhamento com a visão do Executivo angolano de apenas proceder à remoção dos subsídios aos combustíveis em linha com a implementação de um programa de transferências sociais monetárias destinado às famílias mais vulneráveis.

Continue reading “Angola e FMI alinham posições quanto às reformas aos subsídios”

FMI prevê recessão de 0,3% em Angola este ano

O Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê um crescimento económico negativo de 0,3% do PIB para Angola este ano, antecipando depois uma expansão de 1,2% em 2020 e uma aceleração para 3,8% em 2024.

De acordo com o relatório sobre as Perspetivas Económicas Mundiais, divulgado hoje em Washington, os peritos do FMI afirmam que “a economia de Angola, por causa do declínio na produção petrolífera, deve contrair-se este ano e recuperar apenas moderadamente no próximo”.

Continue reading “FMI prevê recessão de 0,3% em Angola este ano”

IFC confirma abertura do seu escritório em Luanda em Novembro

O Presidente do Conselho de Administração do IFC – instituição financeira internacional afecta ao Banco Mundial, assegurou nesta terça-feira em Washington a abertura no mês de Novembro do seu escritório de representação em Angola.

Esta garantia foi prestada durante um encontro com a delegação angolana que participa nas reuniões anuais do Fundo Monetário Internacional e Banco Mundial.

Philippe Le Houérou aproveitou a ocasião para apresentar o representante da instituição que estará baseado em Luanda assim como manifestou a disponibilidade do IFC em apoiar projectos do sector privado em áreas como as telecomunicações, infraestruturas e agro-industria.

Continue reading “IFC confirma abertura do seu escritório em Luanda em Novembro”