Categoria: Importações & Exportações

Angola contraria OPEP e vê produção petrolífera a crescer ligeiramente em março

Angola produziu 1,454 milhões barris de petróleo por dia em março, mais sete mil barris face a fevereiro, contrariando a tendência da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), com uma quebra total de 534.000 barris diários.

Segundo o mais recente relatório mensal da organização, publicado hoje e que se baseia em fontes secundárias, Angola registou um aumento face aos 1,448 milhões de barris registados em fevereiro, valor revisto em baixa face aos primeiros dados, que apontavam para uma produção diária de 1,457 milhões de barris.

Continue reading “Angola contraria OPEP e vê produção petrolífera a crescer ligeiramente em março”

Liberalização de derivados de petróleo em Angola só em junho de 2020

A aplicação do novo modelo de importação de derivados de petróleo em Angola só acontecerá em junho de 2020, assim que for retirada a subvenção aos combustíveis, anunciou hoje do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos angolano.

Em comunicado, o ministério indica que a decisão foi comunicada na terça-feira pelo ministro da tutela, Diamantino Azevedo, durante uma reunião da Comissão Interministerial de Acompanhamento do Reajustamento da Organização do Subsetor Petrolífero (CIAROSP), realizada em Luanda.

Continue reading “Liberalização de derivados de petróleo em Angola só em junho de 2020”

Um “bicho de sete cabeças” chamado cartas de crédito

A carta de crédito é tida o meio de pagamento que melhor obedece às normas de compliance, pois importador e exportador não entram em contacto directo com o dinheiro, evitando, assim, a fuga de capitais. Entretanto, empresas acusam a banca de não dominar o processo, e os bancos alegam que as empresas resistem ao uso deste meio de pagamento.

De Setembro de 2018 a Janeiro de 2019 foram emitidas 11 mil cartas de crédito no valor de 1,6 mil milhões USD, dos quais 923,43 milhões USD foram efectivamente liquidados, de acordo com o documento Dados Sobre Cartas de Crédito, apresentado na conferência sobre Comércio Internacional ao Abrigo das Cartas de Crédito, realizada em finais de Fevereiro do ano em curso.

Continue reading “Um “bicho de sete cabeças” chamado cartas de crédito”

Países da África Austral com isenção de direitos alfandegários para produtos da região

As mercadorias certificadas e de produção integral dos países-membros da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral vão merecer isenção de pagamentos de direitos aduaneiros, disse terça-feira em Luanda um responsável oficial.

O chefe do Departamento de Tarifas e Comércio da Administração Geral Tributária, Santos Mussano, disse ainda que a isenção de direitos decorre desde que as mercadorias cumpram um conjunto de orientações, denominadas por Regras de Origem, que vão determinar a sua nacionalidade.

Continue reading “Países da África Austral com isenção de direitos alfandegários para produtos da região”

Receitas aduaneiras disparam 43,8% face a 2017 com nova Pauta Aduaneira

Já que a exportação de petróleo não paga impostos aduaneiros, e tratando-se da principal exportação do País, a captação de receitas aduaneiras advém, principalmente, das importações. Nos primeiros nove meses do ano passado houve um aumento em 5% do total de importações face ao mesmo período de 2017.

Em 2018, ano em que entrou em vigor a nova Pauta Aduaneira, a receita fiscal com as importações aumentou quase 44% para 451,7 mil milhões Kz, comparativamente a 2017, quando o valor arrecadado se fixou nos 314,1 mil milhões Kz.
Continue reading “Receitas aduaneiras disparam 43,8% face a 2017 com nova Pauta Aduaneira”

Dívidas na importação em Angola ascendiam a 2.610 M€ no final de 2018

O Governador do Banco Nacional de Angola (BNA) indicou hoje que, em fins de 2018, as dívidas na importação de mercadorias ascenderam a 3.000 milhões de dólares (2.610 milhões de euros), menos 2.000 milhões do que em dezembro de 2017.

José de Lima Massano, que falava na abertura do Ciclo Anual de Conferência do BNA sobre Comércio Internacional ao Abrigo das Cartas de Crédito, referiu que o valor no final de 2017 situou-se em 5.000 milhões de dólares (4.350 milhões de euros) e que, este ano, a estimativa aponta para uma redução de 2.000 milhões de dólares (1.740 milhões de euros).
Continue reading “Dívidas na importação em Angola ascendiam a 2.610 M€ no final de 2018”